Trabalhe a sua antiga lista de contactos

Muitas empresas têm uma base de dados com uma antiga lista de contactos, que já não é usada há muito tempo. Estas listas, apesar de antigas, podem ser valiosas para o negócio, uma vez que incluem pessoas que têm ou já demonstraram interesse ou relacionamento com a marca, ou seja, tem variados potenciais clientes. Por isso, há que usar estas antigas listas de forma estratégica e assertiva, para que o seu negócio cresça mais.

Limpe a sua antiga lista de contactos

Uma lista sem actividade certamente tem alguns erros, como emails que já não existem e hard bounces. Portanto, não adianta ter uma lista muito grande, se depois apresenta estes erros todos. Limpe a antiga lista de contactos, retirando os emails inválidos e contactos de pessoas que já não demonstram interesse. Não importa se a sua lista diminui bastante, pois o importante é manter os contactos de pessoas que realmente se interessem pela marca.

Por isso, guarde algum tempo para recuperar a lista de email e eliminar os contactos que já não importam. Até porque se o seu email for parar a muitas pastas de SPAM, fica com má reputação nos servidores. Se não quiser perder muito tempo, há serviços de email marketing que permitem fazer a limpeza da lista.

Como começar a trabalhar a antiga lista de contactos?

Envie aos leads uma apresentação informal, reintroduzindo-os para a sua base. Este é o primeiro email a enviar antes de começar a enviar campanhas e outros tipos de conteúdo. Portanto, apresente o projecto, de modo a retomar o contacto e explicar que começará a enviar novos conteúdos. Além disso, não se esqueça de explicar por que motivo o lead está na sua lista de emails, pois muitas vezes as pessoas esquecem-se que assinaram a newsletter no passado ou que fizeram compras à sua marca.

Outro ponto é importante é a segmentação da base de dados. Separe os contactos em grupos pequenos, de acordo com critérios que sejam relevantes para o seu negócio. Pode ser por interesses, que tipos de produtos compraram, etc. Não se assuste se no início não criar uma segmentação muito eficaz, isso é normal.

Planeie a campanha que recuperar a antiga lista de emails

A base da estratégia deve ser que a marca se importa com cada uma das pessoas e como a sua falta é sentida. A intenção é reconquistar as pessoas! Pode mesmo fazer uma lista personalizada com os interesses das pessoas, sugerindo novos produtos. Ou então ofereça algum benefício exclusivo para quem faz parte da base de dados inactiva, por exemplo, um cupão de desconto.

Crie um bom relacionamento com as leads

Não adianta enviar muita informação às pessoas, à espera de que elas estejam completamente receptivas. Lembre-se que muitas delas nem se lembram de se ter inscrito na base de dados. Por isso, crie conteúdo eficiente para o público que interage pouco e analise os resultados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *